Análise 11: Spelunker NES.

Se você ver, hoje eu disse que nunca joguei Spelunker, mas uns minutos depois, eu fui num site e vi que dava pra jogar Spelunker, então eu mandei bala e agora vou fazer uma análise de Spelunker, na versão de NES.

Vamos falar first sobre o game: Você é um explorador que precisa explorar uma caverna gigante, mas, ao contrário da capa, nosso personagem não usa botas, mas sim, salto alto, porque olha isso: é como se você pulasse normalmente, você vive, mas se pular de uma cadeira que é um pouco maior que seu pulo

You are dead.
Ele é difícil pacas e você não sabe como passar da 1ª tela sem morrer ou dar um Game Over! Mas tem gente que consegue zerar ele em pouco tempo, mas eu não consigo parar de morrer na parte em que você pega as cordas.

Vamos começar pelos gráficos:
 Até que são bonitinhos, mas o que eu achei que fosse um cigarro é um sinalizador pra matar morcegos que cagam, é verdade, olhe:
E tem bombas que explodem pedras e podem te matar caso você chega perto delas (ou seja, na mesma tela), mas os gráficos até que são bons pro NES e para 1985.

A jogabilidade é , já que no A pula (como quase todos os jogos de NES, menos o Action 52) e B atira com sua arma, e você vai perguntar: e como se usa as bombas e sinalizadores? Fácil, usa select e start! NOPE! É B e pra baixo pras bombas e B e pra cima pros sinalizadores, e falando em Start, quando dá Game Over, ou seja, umas 1000 vezes ao dia, você não salta o Game Over, mas pausa ele...

O som é bom, como vocês viram no top 10 músicas de NES, Spelunker tem uma música boa, mas é só essa, a da tela de game over, a do título e algumas outras, então é uma nota como 8,5 de 10.

A dificuldade é como Mario mais Megaman 2 mais metroid mais um montão de jogos difíceis, esse game é quase impossível! É como isso:
 Então é por isso que esse jogo só é mais fácil que Hong Kong 97, porque aqui a música é melhor, você tem 3 vidas e você pode saber como não morrer.

O replay é , porque você sabe, se você sair do game sem terminá-lo, você pode esperar que você vai perder seu save (até mesmo se terminar o game), e vai ter que começar do zero, sem seus pontos, sem suas vidas. É que nem Super Mario ou Megaman 2, são difíceis, mas são excelentes ou awesome, já esse game, vocês verão.

Ah, os únicos personagens que eu vi nesse game foram o nosso carinha, o morcego que caga e um fantasma que você derrota sem acertá-lo com sua arma de chumbinho.

E ele não tem extras.

Nota:
Gráficos: 6,0 de 10.
Jogabilidade: 7,5 de 10.
Som: 8,5 de 10.
Dificuldade: 4,5 de 10.
Replay: 7,0 de 10.
Personagens: 4,5 de 10.
Extras: 0,0 de 10.

Nota total:
6,0 de 10.
62%

Nota em medalhas:
E esse foi Spelunker, o jogo é bom, na minha opinião, melhor que Wii Sports, com gráficos bons pra época, mas veja que lançaram Mario Bros, Duck Hunt, Kung Fu Master de NES, e outros games de NES e outros mais antigos que lançaram, boa jogabilidade, som, mas o game é muito difícil e com só 3 personagens, mas bastante elementos do cenário, o game não tem extras, como alguns que já revemos aqui no blog, mas isso é bom, pois, imagina quanta coisa mais a gente teria caso esse game que você morre até de 2 pixels do chão tivesse extras, seria impossível zerar 100%

E esse game está:

Share on Google Plus

About Cássio Barcellos

    Blogger Comment
    Facebook Comment