Análise 22: Duke Nukem Forever (PC)

Hoje, eu irei fazer um review do game mais adiado da história! Com mais de 14 anos de desenvolvimento! DUKE NUKEM FOREVER! A sequência do grande Duke Nukem 3D, que eu já analisei no blog, pois é, vamos ver se esse jogo (que eu ganhei semana passada) é bom mesmo.
Agora, no blog, as postagens sobre análises terão artworks que irei desenhar ou a mão ou no PC, mas a maioria será à mão, como a acima.

A abertura do game é muito nostálgica, mostrando armas, cenários e várias coisas que fizeram de Duke Nukem 3D um clássico, desde a Shotgun destruidora até os inimigos. Então você pensa que o game é bom, melhor que seu antecessor, mas quando você inicia, você perde a esperança.

Sobre perder a esperança, me refiro aos gráficos, só mudaram um pouco desde a E3 de 1997, tendo só algumas melhorias inúteis e mais brilho, as animações dos personagens são ruins e quase não mexem a boca quando falam, além de alguns NPC'S serem totalmente travados, como no início, na festa em que Duke dá uma entrevista, as mulheres do lado de fora, pelo menos umas 5 estão travadas, nem mesmo as câmeras dão flashes, só gritam como fãs malucas. Além dos produtores não darem o mínimo pros cenários, sendo que só tem sobre Duke, Duke, Duke, coisas estragadas, texturas ruins e Duke, sim, no começo do game, só tem sobre o Duke Nukem! E mais coisas inúteis!!!!!!! Não é nada comparado com DN3D, que é 1000 vezes melhor!

A jogabilidade é o melhor do game, sendo uma game de FPS, a jogabilidade é uma b****, os pulos são imprecisos, nos veículos, você vai falhar umas 1000 vezes pois caiu no buraco por não saber controlá-lo, em certas interações, a jogabilidade deixa tudo + difícil! Como na do carrinho de controle remoto.

O som é bem Só tem vozes! Mas o bom é que usaram o dublador original do Duke, mas vozes não salvam o game, se você por em outra língua, como espanhol, você vai entender, mas você vai ouvir vozes podres! Então é bom você estudar inglês, etudem crianças!





















Tudo por uma voz boa do Duke Nukem!

A dificuldade é mais ou menos, pois você não sabe explorar muito quando o game não é um sandbox e então fica perdido, além da jogabilidade ser terrível em certos puzzles e você irá morrer, pois tem inimigos que se teletransportam e que vem doidões e te atacam muito, tirando muita vida! E isso é muito ruim.

Os personagens são ruins, você só vai se lembrar do Duke, suas 2 namoradas e os inimigos, pois quase todos os NPC'S você só vê durante alguns segundos, ou talvez mais, se você quiser ficar do lado deles ou interagir com algo perto deles. Mas nem nome eles tem!

O replay é ruim, depois de jogar 1 vez, você só vai jogar de novo caso quiser zerá-lo ou conseguir todos os Achievements na Steam, por isso que eu joguei hoje tb.

Os extras literalmente, foi o único que a Gearbox fez no game, pois a interação com o cenário é boa! Tem várias coisas para fazer, antes de salvar o mundo, pq não brincar no cassino, brincar com um carrinho de controle remoto, pegar m**** e jogar na parede, mijar? Se olhar no espelho e malhar na academia, e outra coisa, caso você fizer certas coisas, você pode ganhar EGO, que é sua vida, tipo, malhar na academia ou assinar um livro do Duke Nukem 2. E até que faz você explorar o cenário. E isso é legal.

Nota:
Gráficos: 6,5 de 10.
Jogabilidade: 7,5 de 10.
Som: 5,0 de 10.
Dificuldade: 6,0 de 10.
Personagens: 4,0 de 10.
Replay: 5,0 de 10.
Extras: 6,5 de 10.

Nota Total:
5,0 de 10.
49%

Nota em medalhas:

E esse foi Duke Nukem Forever, o game tem muitas coisas negativas, mas tem também suas positivas, como a interação, a voz do Duke e a zuera que tu pode fazer.

E esse game está:









Share on Google Plus

About Cássio Barcellos

    Blogger Comment
    Facebook Comment