Análise 67: Undertale (PIADAS DE PEIDO E FLORES NO PHOTOSHOP)

Hoje analisarei um jogo que mudou minha experiência quanto a RPGs: Undertale!



















Steam: 97%
Metacritic: 92%
IGN: 10 de 10.
PC Gamer: 91%
Gadgets NDTV: 8 de 10.
The Completionist: Finish It!

Vamos começar a análise:

O jogo tem gráficos muito bonitos, a pixel art é f*da! A apresentação do jogo em si é muito boa, os cenários são bem detalhados e são muito diferentes entre si. Agora vamos falar dos personagens, AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH, os personagens! Os monstros são estranhos, mas suas animações são engraçadas, bem-feitas, cada personagem é único por sua aparência e personalidade (que falaremos depois), dê uma olhada nos personagens e fale se eles são únicos ou não:
Minha personagem favorita é essa:
Não sei se essa cebola é fofa ou assustadora!
Na questão gráfica, undertale ganha um 9.5 de 10, por usar muito bem a pixel-art, mas acho que seria melhor mais cenários e mais personagens estranhos.

O que eu posso dizer da jogabilidade? F*da? SIM! Undertale é um RPG com o melhor sistema de batalha que eu já vi! A história segue 3 diferentes caminhos com 25 finais diferentes dependendo de quem você mata, eu segui o caminho neutral, matando alguns e perdoando outros, no final das contas, Mettaton se tornou o rei do mundo subterrâneo, pois eu não matei ele. O sistema de batalha tem várias formas:
-Coração Vermelho: modo normal de batalha, sem gravidade, você pode controlar o coração para qualquer lugar para desviar de ataques.
-Coração Azul: modo com gravidade, o coração fica pesado e para desviar de ataques, você deve fazer pulos precisos de Super Meat Boy.
-Coração Verde: você tem um escudo e apertando as setas para uma direção faz o escudo defender a tal direção.
-Coração Roxo: você fica preso a cordas e só pode trocar de corda e ir para os lados, desviando projéteis.
-Coração Amarelo: Galaga puro
seu coração vira uma navezinha e você atira em ataques para destruí-los ou mudá-los.

Essas cinco variações fazem o sistema de batalha de Undertale ser muito bom, mas tem mais coisa:
Existem quatro coisas que você pode fazer durante as batalhas:
1-Lutar, que por seu timing, o ataque tem mais força e causa dano nos inimigos.
2-Agir, que faz algo com seus oponentes, como falar, "pet", para cães, checar suas estatísticas, etc. Ajuda a fazer o modo pacifista, em que você não pode matar ninguém.
3-Usar item, que faz isso mesmo.
4-Misericórdia, que pede aos inimigos pararem de lutar e, caso pedirem misericórdia, você pode não matá-los e continuar o jogo, ou seja, você pode terminar o jogo com Nível de Violência 1 e 0 Pontos de Execução (Lv e Exp, respectivamente).

Undertale tem muitas coisas para poder fazer em só uma batalha, por isso, a jogabilidade ganha um 10 DE 10!

Vamos ver como é o a trilha sonora da Steam:
Extemadamente positivas, trilha sonora grande e somente olhe a RAM recomendada para tocar as músicas!
A MÚSICA DO JOGO SÓ É UMA MARAVILHA!!!!
Amo a trilha sonora, cabe muito bem com o que ocorre na tela, cada personagem tem seus efeitos sonoros de fala e música própria, nem falarei muito, pois é só F*DAS!!!!!!! 10 DE 10 PRA ISSO!

Bem, Undertale tem um HARD MODE secreto, mas é curto, a campanha normal dura algo entre 5 e 6 horas e não é muito difícil, o que é difícil é a batalha com ASGORE e a batalha com Sans, que ainda não pude fazer, pois só terminei o game no modo neutral. A dificuldade não é alta e não é baixa, é média, mas não vale muito os 20 reais para comprá-lo, então, compre em uma promoção! A dificuldade de Undertale ganha um 8.5 de 10.

No começo do post falei quão diversificados os personagens são, e isso é verdade, os personagens de  Undertale são riquíssimos em personalidade e carisma, cada um é único e memorável, até quem você encontra no jogo aleatoriamente e não tem nada haver com a história são únicos, como a cebola que mostrei no começo do post, até meu G+ tem a foto dela:
Gostaram? Eu adorei todos os personagens:
-Toriel é a personagem com a personalidade de mãe, quer te proteger num mundo onde tudo quer te matar, te ajuda a passar por armadilhas e mais, mas não quer que você saia de perto dela, então fazendo a segunda Boss Battle do jogo (eu matei ela)
-Flowey é a flor homicida que quer te matar durante o jogo inteiro, e também é a boss final, que corrompe seu SAVE FILE e trava o jogo umas 5 vezes. Sua forma final é essa:
-Sans é um esqueleto camarada que adora fazer piadas (principalmente quando tem peidos nela) e tem teorias de que ele é esse cara:
-Papyrus é o irmão de Sans e gosta de ajudar (também spaghetti) todos, é um guia e seus puzzles sempre são fáceis.
-Asriel é o filho de Toriel.
-ASGORE é o rei do mundo dos monstros e o guardião da barreira entre humanos e monstros.
-Mettaton é isso:
No começo, ele é só um robô que pensa que é um astro de TV, mas depois ele torna-se esse Michael Jackson transexual, eu não sei!!!
-Alphys é a cientista que criou Mettaton e é apaixonada por Undyne.
-Undyne é uma cavaleira da guarda real.
Tem mais personagens, mas se você quiser ver mais, acesse esse link para fazer um teste.Os personagens ganham um grande 10 de 10.

Undertale tem 25 finais diferentes em 3 rotas, para completar 100% o jogo não vale muito a pena, mas para ver os diferentes finais ou só ir em outra rota você voltará a jogar, um jogo muito viciante e que vale a pena ser testado, terminado e re-jogado. Um 9.5 de 10.

O jogo tem 2 chefes extras, vários lugares secretos e depois do jogo ou comprando algo no jogo você ganha acesso a diferentes partes do cenário antes não possíveis, o jogo tem vários segredos e easter eggs para achar e isso são extras reais, um 9.5 de 10 só nos extras (e piano)






Nota:
Gráficos: 9.5 de 10.
Jogabilidade: 10 de 10.
Som: 10 de 10.
Dificuldade: 8.5 de 10.
Personagens: 10 de 10.
Replay: 9.5 de 10.
Extras: 9.5 de 10.

Nota total:
9.6 de 10.
96%

Nota em medalhas:











              ↑
DOGUE MUITO!!!


















Esse é Undertale, um jogo ótimo, mas bem curto e fácil, retirando isso, é uma experiência ótima, que com certeza você deve tentar, por isso, esse jogo está:

Share on Google Plus

About Cássio Barcellos

    Blogger Comment
    Facebook Comment