Análise 101: Broforce ('MERICA! FUCK YEAH!)

Olá, bros! Aqui é o Brássio, e hoje vou analisar o meu 4º jogo favorito, como vocês viram no post anterior: BROFORCE!
Steam: 97%
Metacritic: 83 de 100.
IGN: 8.8 de 10.
PC Gamer: 78%

Vamos começar a análise!

Os gráficos são muito bons, a pixel art é incrível, as animações são muito bem feitas, junto do design dos personagens, o cenário tem efeitos muito bons e o que é destrutível tem ótimas formas de mostrar que faleceu. Só existem algumas vezes que o jogo dá lag, que é quando tem muitas explosões e você não sabe o que está acontecendo, mas ocorre mais raramente do que se imagina. O problema maior são os loadings, que são gigantes e demoram mais de um minuto, o que é bem chato. Por isso eu dou um 9.5 pros gráficos, já que tudo é ótimo, mas apenas os loadings atrapalham.

A jogabilidade é ótima, é como Contra ou Metal Slug, você avança e atira, matando todo mundo que você vê, e não morrendo, é claro. Você pode andar, correr, pular, se agachar, andar nas paredes, atirar, fazer um ataque especial e fazer um ataque corpo a corpo, é como Expendabros, que é a demo de Broforce. Tudo é praticamente igual, mas agora temos mais inimigos, fases diferentes e bros diferentes, cada um deles tem seus próprios ataques, que podem necessitar de diferentes estratégias para ganhar, mas todos sabem, os piores são os Brondock Bros, que são praticamente inúteis. Eu dou um 10 para a jogabilidade, perfeita.

O som é foda, a trilha sonora do jogo é muito boa, com muito METAL e ROCK. Além disso, a voz do narrador e dos personagens que falam é muito boa, junto dos efeitos sonoros, que são ótimos e combinam muito bem com o que acontece, cada arma tem seu barulho e os inimigos também. Eu dou um 10 pro som porque ele é muito bom

A dificuldade é alta, muito alta, até no normal o jogo é difícil, já que você morre com um tiro e alguns inimigos precisam de vários, além de que você tem vidas limitadas e precisa salvar outros bros para viver durante mais tempo. O jogador tem que planejar estratégias para terminar a partida vivo, cada personagem tem sua vantagem em seu tipo de cenário, Brocketier é bom para fugas, Snake Broskin é muito bom para voar grandes distâncias, Brommando, Tank Bro, e outros são muito bons em causar destruição em massa, etc. É muito boa a dificuldade e só às vezes parece um pouco injusto, quando tem milhões de inimigos e você é o Macbrover sem o especial. Dou um 10 de 10.

Os personagens são de milhões de filmes, séries e jogos dos anos 70, 80, 90 e 2000, vários personagens que tem ataques diferentes, nenhum é clone de outro, como em Smash Bros, cada um é único. Quase todos são ótimos, com algumas exceções, todos eles são muito bem feitos e tem animações muito boas. Dou um 10 também.

O replay é alto, mas pode diminuir depois de desbloquear tudo, como eu fiz, depois de zerar 100% a campanha, as únicas razões para voltar são o multiplayer e as dificuldades maiores, é bem legal e eu dou um 9.5 de 10, já que eu tenho 19 horas nesse jogo.

Os extras são vários modos, conquistas, o multiplayer, etc. Mas a criação de níveis deixa a desejar, você não vê como é um bloco, você clica nele, põe e sabe como ele é, a criação é muito confusa e complexa, tem um monte de coisas que tem que fazer e é bem chato de se fazer, ao contrário de Mario Maker ou Portal 2, então eu dou um 9.0 de 10.

Nota:
Gráficos: 9.5 de 10.
Jogabilidade: 10 de 10.
Som: 10 de 10.
Dificuldade: 10 de 10.
Personagens: 10 de 10.
Replay: 9.5 de 10.
Extras: 9.0 de 10.

Nota total:
9.5 de 10.
97%

Nota em medalhas:










             ↑
 DOGUE MUITO!
















Esse é Broforce, ficou em 4º lugar, mas tem um grande lugar no meu coração, as 19 horas valeram a pena.
Esse jogo está:
Share on Google Plus

About Cássio Barcellos

    Blogger Comment
    Facebook Comment